terça-feira, 24 de maio de 2011

Café... Sabor dos momentos felizes.



Café...
Deliciosa bebida.
Explosão de sabor e aromas.
Entrada dos dias e o saboroso frescor das manhãs...
Bebida gostosa, desejada e querida.
Momentos de sonhos sonhados.
Sorrisos e instantes para aquecer o coração.

Sabor de soninho gostoso.
Abraço apertado e sabor de paixão.
Sorriso feliz e motivo de encontros.
Bebida dos deuses felizes.
Encanto negro, que agita e acorda.
Bebida que move o mundo.
Redondo, bonito.
Delicioso, saltitante e fecundo.
Lágrima negra, de felicidade e amor.

Café...
Arco-íris negro e um dos recheios saborosos de nossas almas.

Um beijo muito grande,
Maü Cardoso.

12 comentários:

  1. MAURÍCIO ADOREI A FRASE LÁGRIMA NEGRA DE FELICIDADE E AMOR..... cOMO SEMPRE LINDÍSSIMO..BJINHOS....
    ROSANA BARRETTA

    ResponderExcluir
  2. Drinking coffee.
    By chance...
    And enjoying your beautiful and rich post
    like a good Colombian coffee...
    A true poet can make random words sound like poetry
    even out of unexpected and unusual themes.
    Like coffee...

    Congratulations my dear writer...

    Kisses

    TC

    ResponderExcluir
  3. VAMOS BEBER CAFÉ... ?
    VAMOS BEBERICAR A DOÇURA DE TANTA COISA BONITA QUE NASCEU AO OBSERVAR UMA XÍCARA... BEIJOS.

    ResponderExcluir
  4. Querida Rosana...
    Muito obrigado pelo seu carinho de
    sempre.
    Um beijo grande,
    Mau Cardoso.

    ResponderExcluir
  5. Dear Teresa...
    Thank'you very much.
    So sweet.
    By the way, is a brasilian coffe.
    Kisses,
    Mau Cardoso.

    ResponderExcluir
  6. Querida Dri...
    Vamos sim.
    Uma bela xícara de café.
    Um beijo grande,
    Mau Cardoso.

    ResponderExcluir
  7. sueli a. pereira costa rego.25 de maio de 2011 10:15

    Eu adoro um bom cafézinho. Quem não gosta?
    Um abraço Mauricio.

    ResponderExcluir
  8. Querida Sueli...
    Pois é, quem não gosta e quem não se sente
    renovado, com uma boa xícara de café?
    Um beijo muito grande,
    Mau Cardoso.

    ResponderExcluir
  9. Querido Poeta!

    Café...

    Com esta mais que linda Poesia.
    Você conseguiu levar-me a mais
    doce recordação de minha infância.
    Ao cafezal da fazenda Ipê.
    Voltei a me ver menina, saltitando por
    entre os carreadores de café.
    Colhendo suas flores perfumadas e
    fazendo um lindo bouquet, para presentear
    minha Vózinha amada.
    Mordiscando seus frutos ainda maduros e
    sentindo o seu doce sabor.
    O Vovô socando o café no pilão, Vovó
    torrando no torrador e claro eu também
    tinha uma participação, moer os grãos no
    moinho e tranforma-lo em pó.
    Para finalmente o divino preparo da
    Vovó. E juntos sentados a mesa saboreava-mos
    o mais delicioso nectar negro.
    Isso era amor!
    Isso era felicidade!
    Sua Poesia, me trouxe saudades...
    De um tempo que longe se vai e
    não voltará jamais.
    Hoje o cafezal já não existe mais...
    Meus Avós estão do lado do Pai.
    Leio e re-leio a sua Poesia, uma
    lágrima cai, um sorriso brota, você
    trouxe de volta as melhores lembranças
    de minha vida.
    Só poderia ser você!
    Com sua magia, tocar fundo na alma...
    E derrubar lágrimas de saudades com
    um mesclado de alegria.
    Beijo forte! Não amargo
    Com o carinho de sempre!
    Rosa

    ResponderExcluir
  10. Passei por aqui, gostei do que li, queria te seguir, mas não aparece pra mim o teu quadro de seguidores... sniff...
    Bj com gostinho de café!

    ResponderExcluir
  11. Querida Rosa...
    Fiquei muito sensibilizado com seu relato.
    Realmente, de chorar de emoção.
    Lindo, lindo.
    Muito obrigado por essa e por todas as contribuições
    valiosas que você trás para esse espaço.
    Muito obrigado.
    Um beijo muito grande,
    Maü Cardoso.

    ResponderExcluir
  12. Querida Sue...
    Muito obrigado por sua visita nesse espaço..
    Fico muito feliz que tenha gostado.
    Quanto à não conseguir seguir esse blog,
    por favor, tente novamente.
    Gostaria muito que fizesse parte desse espaço.
    Um grande beijo,
    Maü Cardoso.

    ResponderExcluir